Aguarde...

Benvindos Freguesia de Pernes

Caracterização

Pernes é uma freguesia portuguesa do concelho de Santarém, com 14,06 km² de área e 1446 habitantes (2011). A sua densidade populacional é 102,8 hab/km², encontrando-se situada na encosta de um monte rodeado de arvoredo, em plena zona do "Bairro", banhada pelos rios Centeio e Alviela, a freguesia de Pernes dista 20 km da sede do Concelho.ituada na encosta de um monte rodeado de arvoredo, em plena zona do "Bairro", banhada pelos rios Centeio e Alviela, a freguesia de Pernes dista 20 km da sede do Concelho.

 

Constituem a freguesia os lugares de Outeiro de Fora, Chã de Baixo, Póvoa das Mós e Moita. 

 

Confronta com as freguesias de Arneiro das Milhariças, (Concelho de Santarém), União de Freguesias de Casével e Vaqueiros (Concelho de Santarém), União de Freguesias de Achete, Azoia de Baixo e Póvoa de Santarém, (Concelho de Santarém), União de Freguesias de S. Vicente do Paúl e Vale de Figueira, (Concelho de Santarém), União de Freguesias de Azoia de Cima e Tremês, (Concelho de Santarém), União de Freguesias de Malhou, Espinheiro e Louriceira, (Concelho de Alcanena).

 

DEMOGRAFIA (Resultados censos 2011)

• População Residente Total - 1446

• População Residente Homens - 688

• População Residente Mulheres - 758

• População Presente Total - 1392

• População Presente Homens - 661

• População Presente Mulheres - 731

• Famílias - 565

• Alojamentos - 772

• Edifícios - 632

 

EQUIPAMENTOS

EDUCAÇÃO e CULTURA

• Jardim de Infância de Pernes na Vila de Pernes

• EB1  de Pernes na Vila de Pernes

• Biblioteca no Edifício da Junta de Freguesia de Pernes

• Posto internet  no Edifício da Junta de Freguesia de Pernes

• Museu da Santa Casa da Misericórdia de Pernes na Quinta da Torre em Pernes

• Escola Secundária D. Manuel I em Pernes

 

SAÚDE

• Extensão de saúde de Pernes – Unidade de Saúde Familiar do Alviela

• Farmácia Almeida, em Pernes

• Farmácia Santos Leal, em Pernes

• Consultório Veterinário, em Pernes

• Clínica Médica e Dentária de Pernes

• Clínica Médica Dentária Mouchão, em Pernes

 

ACÇÃO SOCIAL

• RLIS – Rede Local de Intervenção Social

• Santa casa da misericórdia de Pernes – Fundação Comendador José Gonçalves Pereira.

 

DESPORTO

• Campo Futebol no Cabeço do Livramento em Pernes

• Parede de Escalada na Penha de S. Domingos em Pernes

• Parque Infantil e parque de lazer no largo do Rossio em Pernes

• Parque de merendas / Lazer na Urbanização Terra Fria em Pernes

 

OUTROS

• Junta de freguesia

• Cemitério

• Posto de correios

• Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Pernes

• Instituição Bancária (Caixa Crédito Agrícola)

• Postos de Combustíveis

 

TRANSPORTES

• Táxis

 

RIOS

RIO ALVIELA

A Companhia das Águas Livres foi criada em 1855 e legalizada por decreto em 2 de Abril de 1868. Segue-se a inspecção das águas da nascente pelo hidrogeólogo francês Mr. Richard, que aprova a qualidade e quantidade. Fizeram-se estudos e traçados, a decisão veio por portaria de 3 de Outubro de 1871, tendo-se adoptado o projecto de aqueduto quase paralelo ao Alviela passando por Pernes, seguindo por Vale de Lobos, Almoster, Vale da Ameixoeira, Ota, Alenquer, Vila Franca de Xira, Alhandra, Póvoa, Sacavém, onde atravessa o Rio pela Ponte em Arco, depois pelos Olivais, Chelas, Xabregas, e chega a Lisboa á antiga cerca do Convento dos Frades Barbadinhos, com cerca de 114 quilómetros de extensão, o maior de Portugal. O começo das obras deu-se em 28-de Dezembro de 1871, sendo a obra dividida em secções, cerca de 25 quilómetros cada. Durante nove anos, alem de centenas de operários, trabalharam os engenheiros Paiva Couceiro, Joaquim Sousa Gomes, João de Carvalho, Frederico Howel, Eugénio da Silva, Torquato de Lemos, António Cluny, Jaime Larcher e Miguel Pais. O Aqueduto tem 94 túneis, 110 pontes em arcádia artística e 51 Casas de Sifão, meia centena de dasaguadouros. Tem forma elíptica com largura de 1.30 m. É de alvenaria calcária com argamassa hidráulica feita em Pozzolana dos Açores (terra vulcânica que misturada com calcário, endurece em contacto com a água). Os sifões são formados por tubos em ferro fundido de 1 m de diâmetro e 22cms de espessura. A inauguração do Aqueduto, com a chegada a Lisboa das águas do Alviela, aconteceu a 3 de Outubro de 1880 com a presença de Rei D. Luis, Ministros, Engenheiros e muitas personalidades.

 

RIO CENTEIO

Afluente do Alviela.

 

Este site utiliza cookies. Ao utlizar o website, confirma que aceita a nossa politica de privacidade.